Blog da benfeitoria - uma plataforma de crowdfunding diferente

domingo, 8 de maio de 2011

Uma maneira mais colaborativa e democrática de realizar!

A dinâmica de financiamento coletivo (crowdfunding), na qual várias pessoas contribuem para um projeto que não poderia ser feito individualmente, é muito antiga – e você, provavelmente, já participou de alguma. Nossa boa e velha vaquinha é financiamento coletivo. Cotas de lua de mel, rifas, arrecadação feita pelos calouros de faculdade para realizar sua primeira chopada... O criança esperança! Um clássico do crowdfunding brasileiro!


Em 2007, surgiu no Brasil a primeira plataforma de crowdfunding: vakinha.com.br. Tão simples como o nome, o site leva a dinâmica de arrecadação para a internet, tornando-a mais ágil e transparente. Agora em 2011, o crowdfunding ganha nova proporção no Brasil. Inspirados pelo site Kickstarter, que em apenas dois anos arrecadou 40 milhões de dólares para projetos criativos nos EUA (veja os números), começam a surgir novas plataformas com um modelo mais envolvente de mobilização. Algumas delas: Catarse, Incentivador,Movere.me, Multidão, Produrama, SensoIncomum, WacaWaca...

Um dos segredos de sucesso do kickstarter está na dinâmica de “pedidos e recompensas”, na qual colaboradores recebem recompensas (simbólicas ou não) para cada contribuição que fazem – o que, muitas vezes, pode ser o gatilho que transforma simpatia por um projeto em colaboração.


Outro segredo é a regra de “tudo ou nada”, que assegura que o dinheiro volta para a mão dos colaboradores, caso a arrecadação do projeto não alcance sua meta dentro do prazo estabelecido – o que garante que o idealizador da iniciativa não será cobrado por algo que não consegue viabilizar.


Ou seja: ou todo mundo ganha (o dono do projeto ganha o dinheiro para realizá-lo e os colaboradores ganham suas recompensas) ou ninguém perde (os colaboradores recebem seu dinheiro de volta e o dono do projeto tem a oportunidade de ajustar sua proposta sem ter investido dinheiro nela). E é por isso que essas plataformas representam um poderoso incentivo ao empreendedorismo e inovação.

A benfeitoria parte dessa proposta e dá um novo passo em sua evolução. Vamos além do financiamento coletivo, permitindo colaborações não financeiras para projetos (como consultorias, doação de materiais, voluntariado...) e somos a única* plataforma do mundo que não cobra comissão (as demais cobram entre 5% e 15% do valor arrecadado), tornando a proposta ainda mais convidativa para projetos de qualquer tamanho.


O que queremos é gerar transformação! Para saber mais sobre o movimento por trás da plataforma ou sobre o modelo de negócios, acesse www.benfeitoria.com. Para dúvidas ou informações específicas, entre em contato com contato@benfeitoria.com. Obrigado!



*****

Essa e outras notas sobre a benfeitoria estão publicadas na área do site específica para a imprensa: www.benfeitoria.com/imprensa. Acesse, divulgue, publique! Quanto mais gente conhecer essa possibilidade, mais IMPACTO ela terá!!



*Vale ressaltar que a plataforma francesa Ulule - cuja versão traduzida em português acaba de ser lançada - também não cobra comissão atualmente, mas já mencionou em seu site que a gratuidade é provisória: http://br.ulule.com/about/faq/#q187

Nenhum comentário:

Postar um comentário